Como se cadastrar no Bolsa Família



Hoje em dia com o aumento da água, luz, aluguel e os bens essenciais só subindo de preço fica difícil manter uma casa, principalmente para as famílias mais carentes. Foi por isso mesmo que o Governo Brasileiro desenvolveu vários programas de ajuda para as famílias que ainda vivem em estado de pobreza e/ou pobreza extrema. Para quem não sabe, é considerado caso de pobreza extrema as famílias que vivem com a renda familiar per capita de até R$ 85,00 mensais. Como sobreviver no Brasil, durante um mês, com apenas R$ 85,00 no bolso? Provavelmente não daria nem para comprar os bens mais essenciais, como a comida. Foi por isso mesmo que decidimos trazer hoje para vocês um assunto super importante: Como se inscrever no Bolsa Família.

Como se inscrever no Bolsa Família

Como se inscrever no Bolsa Família

Pois é, existem sim os programas que ajudam essas famílias, porém, muitas delas não tem as informações suficientes para solicitar esse benefício e por isso acabam tendo que se virar com o pouco que ganham. Por isso fique por aí e não utilize a informação só para você, repasse para as pessoas que mais precisam e que, provavelmente não têm acesso à internet.

Como se inscrever no Bolsa Família

Para solicitar o Bolsa Família a pessoa deve estar obrigatoriamente cadastrada no Cadastro único dos Programas Sociais do Governo Federal, o Cadúnico. Esse cadastro é feito exclusivamente pelas prefeituras municipais, por isso o primeiro passo é procurar uma e se inscrever.

Depois disso é só solicitar na prefeitura da sua cidade, o cadastramento no Bolsa Família. Para isso você deve apresentar os seguintes documentos:

  • Para o responsável familiar: CPF ou título de eleitor;
  • Para os demais membros: qualquer documento de identificação (CPF, RG, CNH, título de eleitor, certidão de nascimento e/ou de casamento ou a carteira de trabalho). Caso você tenha dúvidas o melhor é levar todos os documentos pessoais.
  • Documentos que comprovem a renda da família – no caso deve ficar comprovado que a única renda familiar é no valor de R$ 85,00 mensais.

Depois de estar com todos os documentos basta pedir ao funcionário da prefeitura municipal que faça o seu cadastro no programa.

Quem tem direito ao Bolsa Família

Como vocês devem saber, não é todo mundo que se inscreve que recebe o benefício. A seleção é feita pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) de uma forma totalmente automatizada.

O único critério utilizado são as rendas familiares apresentadas – quanto menor a renda, maior é a chance da família conseguir o benefício, afinal são essas as pessoas que mais precisam. O primeiro passo para receber o benefício entretanto é atender a todos os critérios estabelecidos acima.

Cartão Bolsa Família

A dúvida de muita gente é em relação ao recebimento do cartão e do benefício. O pagamento das parcelas do programa é feito única e exclusivamente através do cartão Bolsa Família, que é emitido automaticamente quando a família faz o cadastro no sistema. Esse cartão é, posteriormente, enviado por correio ou então retirado junto às agências da Caixa Econômica Federal – CEF.

Com o cartão em mãos, o beneficiário deve ir até ao banco ou a uma agência e cadastrar uma senha para que consiga receber todas as parcelas do programa.





Avalie:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...

CONTINUE LENDO

Deixe seu comentário!

One response to “Como se cadastrar no Bolsa Família”

  1. Aline da silva gama says:

    Preciso muito tenho três filhos e não consigo emprego sou separada o pai foi em bora e pago aluguel

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *