Bolsa Escola



Programa criado pelo governo Federal, o Bolsa Escola era uma iniciativa que auxiliava a participação no aluno na escola através de uma remuneração paga mensalmente para a família, com o intuito de ser vir de estímulo e auxílio para a escolarização das crianças brasileiras. Hoje, entretanto, o Bolsa escola foi extinto, e deu lugar ao Programa Bolsa Família, que passou a integrar diversos programas sociais, como o Bolsa Escola, o Escola da Família, e o auxílio gás.

Basicamente, o Programa Bolsa Escola tratava-se de um programa de transferência de renda, que distribuía dinheiro para famílias em estado de Pobreza e Pobreza extrema, que não tinham condições de fornecer a escolarização necessária para suas crianças. Ele criava as condições necessárias para que as famílias matriculassem as crianças na escola, custeando valores como o material escolar e o transporte até a instituição de ensino.

Programa Bolsa Escola

Programa Bolsa Escola

Através da educação, o objetivo do Programa Bolsa Escola, era fornecer condições de que as famílias mais pobres tivessem acesso à educação, e que construíssem uma condição melhor de vida, pois através de uma melhor escolarização, seria possível ter melhor acesso a vagas do mercado de trabalho, reduzindo assim as desigualdades sociais que existiam entre as pessoas em regime de pobreza e miséria e os membros da classe média brasileira. O sucesso desse programa, e de seu sucessor, o Bolsa Família, são notáveis, pois nos últimos 20 anos, o número de pessoas que tem acesso a escolarização aumentou muito, o que foi proporcional a queda das desigualdades no Brasil, com o aumento notável da abrangência da classe média brasileira.

Inscrição no Bolsa Escola

Hoje em dia, não é mais possível participar do Bolsa Escola, uma vez que ele tenha sido substituído pelo Bolsa Família, mas esse sim, permite que você, caso componha as faixas de renda que constituem a chamada pobreza, se cadastre e passe a receber auxílio mensal para financiar a escolarização de seus filhos. Para participar desse programa de bolsa, a família precisa receber, em média, até R$ 154,00 por pessoa, ou seja, se somar o salário de cada um dos membros do grupo social, e dividir pelo número de pessoas, o resultado tem que ser igual ou menor do que R$ 154,00.

Para participar do sucessor do Bolsa Escola, o primeiro passo é comparecer a secretaria de assistência Social do seu município munido de documentos de identidade e certidão de nascimento seu e de todos os membros do seu grupo familiar para efetuar o cadastro no CADÚNICO, que é o Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal. Caso você seja contemplado pelo programa, você receberá, em algumas semanas, o cartão do Bolsa Família em sua casa, e poderá efetuar o saque do seu benefício. Mas lembre-se que cada alteração no seu grupo familiar, como aumento ou redução no número de pessoas, ou mudança de endereço da família precisa ser informada na Secretaria de Assistência Social do seu município, para evitar de ter o seu Bolsa Família Bloqueado.

Bolsa Escola Bloqueado

Outro motivo para ter o seu benefício bloqueado é quando as crianças inscritas no programa não conseguem atender as metas de desempenho escolar do Programa, como é o caso de faltas excessivas, ou do desempenho escolar muito ruim.





Avalie:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...

CONTINUE LENDO

Deixe seu comentário!

Comments are closed.